Passar para o Conteúdo Principal
world best fish
logo world's best fish
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Máx C
Mín C
google plus

Caminho Português da Costa

Matosinhos Maia no Caminho de Santiago

 

O território do atual concelho de Matosinhos, criado a partir das antigas divisões administrativas medievais do Julgado de Bouças e do Couto de Leça, tem uma profunda e antiga ligação aos caminhos de peregrinação a Santiago de Compostela, que aqui estão documentados desde a Idade Média. Com um percurso comum até ao cruzeiro do Padrão da Légua, é a partir daqui que se o peregrino pode optar entre seguir o “Caminho da Costa”, desviando para poente junto a este cruzeiro, ou ir pelo “Caminho Central” em direção ao lugar do Araújo.

Esta ligação moldou em grande parte os elementos determinantes da sua própria identidade cultural, que se expressa na lenda de Cayo Carpo o “Cavaleiro das Conchas”. Esta narrativa, provavelmente de origem medieval e fixada por escrito no século XVII, cuja ação decorre na praia de Bouças (nome primitivo de Matosinhos) relata um encontro miraculoso desta personagem com o barco que transportava o corpo do apóstolo em direção à Galiza. Segundo uma antiga tradição popular esta lenda explicaria ainda a origem das vieiras como símbolo jacobeu e a origem do topónimo Matosinhos.

Devido à sua situação geográfica este território sofreu no século XX profundas transformações, criando uma paisagem diversificada onde o espaço rural e tradicional se mistura com o espaço urbano e contemporâneo.

No seu percurso pelo concelho de Matosinhos o Caminho atravessa o território que, entre o século XII e o século XIX, integrou o Couto de Leça da Ordem dos Cavaleiros Hospitalários (também designada por Ordem de Malta). Sedeados no Mosteiro de Leça do Balio, a cerca de 1,5 Km de distância do Caminho, uma das suas funções era a de dar hospitalidade e assistência aos peregrinos que se dirigiam a Santiago de Compostela. A presença de peregrinos está aqui bem documentada, desde um peregrino anónimo, registado num livro de óbitos do século XVII até à passagem por este local de personalidades régias que também realizaram peregrinações a Santiago de Compostela, como D. Afonso II entre muitos outros.

Para quem goste de caminhar à beira-mar Matosinhos possui ainda, em alternativa, 15 quilómetros de agradáveis percursos pedonais junto à praia, que levam o caminhante até Vila do Conde.

Consulte aqui o mapa, os pontos de interesse, onde dormir e os postos de turismo:

Caminho Português da Costa

Portuguese Coastal Way

Mais informações emhttp://www.caminhoportuguesdacosta.com 

Contactos úteis:

Loja Interativa de Turismo
Avenida General Norton de Matos
Segunda: 13h00 - 19h00
Terça a sábado: 09h30 - 19h00
Domingo: 10h00 - 13h00
Tel. +351 229 392 412
https://goo.gl/uCOvtw 

Posto de Turismo de Leça da Palmeira
Rua Hintze Ribeiro
Segunda: 09h00 - 15h30
Terça a sábado: 09h30 - 19h00
Tel. +351 229 392 413
turismo@cm-matosinhos.pt 
https://goo.gl/85MCJX 

União de Freguesias de Custóias,
Guifões e Leça do Balio
Edifício Administrativo de Custóias
Largo do Souto, 287 - Custóias
Tel. +351 229 511 144
geral@jf-custoias-lecabalio-guifoes.pt 
Segunda a sexta-feira:
9.00h - 12.30h e 14h00 - 17h30

 

Caminho de Santiago